De Onde Vem a tua Inspiração? (Cinema Japonês)
publicado por Thaurer
Jovem. Pensas que cinema japonês é só "Os Sete Samurais" e "Akira"?
gostas de filmes bizarros e cheios de violiência grátis (mas nao sem sentido)?
Gostas de filmes com ritmos rápidos, com histórias profundas e que te deixam a pensar "WTF?" ?

Então penso que está na hora de fazer aqui um "piqueno" post sobre a visão de alguns dos melhores realizadores do país do sol nascente; e para isso, nada melhor que apresentar aqui alguns filmes por lá feitos.

e para abrir aqui as festividades, nada melhor que um dos filmes mais controversos, baseado num romance nada menos controverso, chamado Battle Royale.

Battle Royal Pictures, Images and Photos

A história do filme é simples:
Num periodo conturbado da sociedade japonesa, o desemprego e o desespero reinam entre as cidadãos, o que gera um desconforto nos seus filhos que crescem com uma certa aversão ao sistema politico e educacional do país. Criando o efeito "bola de neve", os jovens começam a revoltar-se e causam o medo nos adultos e no governo que decide criar o "Acto da Reforma Educativa" que por outras palavras significa algo como: "vamos fechar os putos num lugar qualquer, pomos-lhes coleiras e se eles nao se matarem uns aos outros até só ficar um, matamo-lhos e pronto!"
o que é giro...

Battle Royale Pictures, Images and Photos

E se voces virem alguma coincidencia entre este filme e aquele filme protagonizado pelo Steve Austin, digamos que..bem, os Americanos bem que tentaram fazer um remake do filme, mas visto eles se encontrarem com problemas nalgumas universidades, nomeadamente alunos a passarem-se da cabeça e a desatarem aos tiros, alguem teve o bom senço de achar que um filme onde os putos sao postos todos numa Battle Royal até á morte nao seria a melhor das ideias. Então puseram Reclusos, que sempre sao mais....facilmente aceites como carne p'ra canhão.

Mas pronto, neste filme nós seguimos mais de perto as acções de Shuya, um rapaz carismático que decide proteger Noriko (a outra personagem central) após o seu amigo que gostava desta morrer.

Um filme de 2000, realizado pelo eterno Kinji Fukasaku e com a presença do actor/realizador Takeshi Kitano ( realizou o filme de que vou a escrever a seguir) que interpreta o professor e administrador do programa que tem o habito de matar estudantes quando estes o aborrecem (e queixa-mo-nos nós dos nossos professores!)

Battle Royale Pictures, Images and Photos


trailer do filme:



O Segundo filme, tal como tinha dito foi realizado por um dos realizadores que mais admiro e tento seguir como exemplo para os meus projectos, de seu nome Takeshi Kitano.
O filme chama-se "Dolls".

Photobucket

A cinematografia deste filme foi extremamente elogiada pela critica e eu vejo-me pois obrigado a confirmar estas criticas positivas.
Para além de uma boa história, este filme contém cenários fantásticos onde as paisagens se fundem com as personagens de forma perfeita, criando alguns dos melhores planos do cinema asiático.
Enfim, é um daqueles filmes que se enquadram claramente naquele sectorzinho chamado de Arte, onde nomes como Goddard, Fellini e Antonioni se passeiam.

Photobucket

Dolls não tem nada a ver com o primeiro filme que apresentei neste post, se o Battle Royale apresenta uma violência bastante explicita, Dolls apresenta uma natureza mais dramática, capaz de nos fazer pensar e desaparecer no meio de uma atmosfera bastante simbólica.

Neste filme existem três histórias diferentes que eventualmente se acabam por cruzar:
A história principal é a de Matsumoto que abandona a sua noiva em beneficio de um casamento com a filha do seu patrão, que num futuro proximo lhe trairia uma melhor condiçao de vida, mas quando a sua agora ex-noiva se tenta suicidar, este se sente culpado e decide voltar a tentar uma vida com ela.

Dolls. Takeshi Kitano Pictures, Images and Photos

A segunda história é a de Nukui, um jovem obcecado por uma artista Pop que depois de ter um acidente onde fica desfigurada decide afastar-se do mundo e dos seus fãs.

A terceira história e a de um velho Yakuza (máfia Japonesa) que procura pela sua namorada de juventude.

Em resumo, este é um filme inspirado no tradicional teatro Bunrako (uma espécie de teatro de marionetas típico do Japão) bastante tocante e que quem o vê dificilmente o esquece e dificilmente não se deixa afectar por ele.

fica aqui o trailer:




E por hoje então só escrevo sobre estes dois filmes, embora tenho muitos mais dos quais quero escrever, mas só o faço se os queridos leitores deste blog assim o entenderem.
portanto, deixem aqui a vossa opinião sobre os filmes, façam sugestões se quiserem. Digam mal, digam bem, façam qualquer coisa. dêem feedback e vejam bastante cinema asiático (até porque é muito melhor que o Tuga) nem que seja pelo menos o Okuribito (Departures) que ganhou este ano o Óscar de melhor filme estrangeiro.
Deixa-nos a tua opinião sobre este post:

Postar um comentário

15/03/2009 16:22 |Anonymous Mojo_Jojo  
Eu sou um grande admirador de cinema e sempre que consigo encontrar cinema asiático vejo, mas e mesmo muito pouco não sei onde procurar e também não ha muita divulgação sem ser pela internet.
Além de te pedir pa continuares a postar mais deste tipo de cinema, peço-te também que me mandes sites onde haja mais divulgação deste tipo de cinema.
Afinal de contas cinema não é só Hollywood
15/03/2009 17:29 |Blogger Thaurer  
Mojo, eu por caso não uso nenhum site em especifico. Limito-me a pesquisar na wikipedia ou no IMDB, ou sigo algumas dicas que colegas meus me dão,
mas posso-te sempre recomendar o asianfilms.org que contêm bastantes sinopses apenas de filmes asiáticos, o midnighteye.com que se limita apenas a filmes japoneses ( e são bastantes!) ou podes usar o dvdasian.com que é uma espécie de Amazon para cinema oriental.

de qualquer das formas, vou tentar a partir de agora apresentar sempre uns 5/6 exemplos de bom cinema asiático por mês no caso de haver gente interessada.
=)
17/03/2009 01:33 |Anonymous DARKfm  
Battle Royale é um dos filmes que tenciono visionar quando o conseguir arranjar, por ter uma história interessante (e por acaso gostei da "versão" dos reclusos com o STONE COLD Steve Austin).

Dolls já não me interessa muito, já que não sou lá muito fã de Drama (o que não quer dizer que não veja ou que sou uma pessoa que adora ver violência :P).

Por acaso é raro eu ver filmes asiáticos e acho que este teu post interessante para mostrar que no outro lado do mundo tambem se faz bons filmes e quiçá melhores! Por isso por mim gostava de ver mais disto!
19/03/2009 17:06 |Anonymous Anônimo  
falta aki o melhor variados filmes do cinema japones tais como o old boy, o rpoint, e o tokio gore police k sao fantasticos e k aconcelho a todos os k gostam de cinema para os visualizarem
19/03/2009 20:23 |Blogger Thaurer  
1 - old boy é coreano.
2 - nao pode faltar porque como eu disse, este espaço sobre cinema japones é para continuar, portanto, hei de falar de muita coisa.
3 - obrigado pela dica xD

tokio gore police por acaso é fixe.
quer dizer... pronto, ya, é fixe!
20/03/2009 00:02 |Anonymous Anônimo  
desculpa é verdade e espero k continues a falar do incrivel cinema japones, mas gostava tambem k falasses de outros filmes para alem dos k sao feitos no japao,
uns exemplos de filmes bons k nao sao japoneses sao:
luna papa, price of milk, dancer in the dark, tuvalu, entre outros
(c)2009 A Outra Galáxia | aoutragalaxia@gmail.com
Optimizado para Firefox 3+ e Internet Explorer 7+ a 1280*1024